Centro de Avaliação Humana - Atendimento Psicológico, Neuropsicológico e Neuropsicopedagógico

 
AVALIAÇÃO

Definição

          A Neuropsicologia estuda a relação entre o funcionamento cerebral e nossa cognição, emoção e comportamento.

 

Avaliação Neuropsicológica Cognitiva

         A avaliação neuropsicológica parte da ideia de que nossos processos cognitivos dependem do funcionamento cerebral e que os diferentes processos têm como base diferentes regiões e estruturas cerebrais.

            Esta avaliação permite levantar hipóteses sobre o funcionamento cognitivo da criança, assim como das áreas cerebrais que não estejam funcionando adequadamente.

Por que realizar uma avaliação neuropsicológica em crianças?

       Em casos de suspeita de dificuldades ou transtornos de aprendizagem é importante realizar a avaliação com o objetivo de identificar, de forma mais clara, quais processos cognitivos estão preservados e quais estão prejudicados na criança, o que permite definir um perfil neuropsicológico. Assim, é possível realizar um diagnóstico da criança e rejeitar ou não as hipóteses iniciais de déficit cognitivo.

         Dessa forma, a avalição neuropsicológica é uma importante aliada na identificação das dificuldades e transtornos de aprendizagem, assim como de outras condições que possam acarretar em algum tipo de prejuízo cognitivo. Por exemplo, é uma prática muito comum e importante realizar a avaliação quando há suspeita de transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH).

Situações que justificam a avaliação:

Suspeita de:

TDAH,

Dificuldades ou transtornos de aprendizagem (como a dislexia),

deficiência intelectual,

autismo,

déficit cognitivo devido às crises convulsivas,

déficit cognitivo devido à lesão cerebral, etc.

Por que realizar uma avaliação neuropsicológica em idosos?

            A avaliação neuropsicológica auxilia na identificação de déficits cognitivos no idoso e possibilita diferenciar se tais déficits estão dentro do esperado ou se vão além do esperado para sua faixa etária. O perfil neuropsicológico do idoso ajuda a identificar os processos que estão intactos e os que estão alterados e, dessa forma, apoia o diagnóstico diferencial dos diferentes tipos de demências, tais como demência de Alzheimer, demência Frontotemporal (e suas variantes), ou de Corpos de Lewy.

AVALIAÇÃO NEUROPSICOPEDAGÓGICA

Definição

A Neuropsicopedagogia - ciência transdisciplinar, respaldada na Neurociência, Psicologia Cognitiva e Pedagogia, estuda a relação entre o funcionamento do sistema nervoso e a aprendizagem humana visando a reintegração pessoal, social e educacional.

 

Avaliação Neuropsicopedagógica

A avaliação Neuropsicopedagógica trata-se de um estudo e interpretação de informações que considera os fundamentos básicos referentes aos fenômenos relacionados a aprendizagem e o desenvolvimento humano, a exemplo das funções executivas: atenção, linguagem, raciocínio lógico-matemático e  desenvolvimento neuromotor.

Avaliação Neuropsicopedagógica em crianças

  • O acompanhamento com o Neuropsicopedagogo tem por objetivo amenizar ou eliminar as dificuldades e transtornos de aprendizagem.

  • O trabalho do Neuropsicopedagogo é indicado sempre que houver dificuldades relacionadas ao processo de aprendizagem. Conheça alguns dos benefícios do acompanhamento deste profissional:

  • Detecta formas de trabalhar os conteúdos escolares conforme as necessidades específicas de cada criança;

  • Facilita a relação e o interesse pelas disciplinas escolares

  • Auxilia no processo de aprendizagem em sala de aula

  • Faz o aluno perceber que pode superar suas dificuldades de aprendizagem

  • Contribui para criar hábitos de estudo e de organização

  • Melhora a autoconfiança

  • Auxilia na inclusão escolar

  • Auxilia nos distúrbios de memória, dificuldades em raciocínio lógico, dificuldade na matemática, leitura, escrita e interpretação, dificuldade de concentração, atenção, atrasos do desenvolvimento.​​

 
Depressão
 
Relacionamentos
 
Terapia de Casais
 
Trauma
 
Terapia de Jovens